top of page

Checador vs ValidaEmail

Em algumas situações criamos aqui na empresa mais de um produto para funções semelhantes. Isso nos permite trabalhar com abordagens diferentes. O caso mais novo desta situação é para os produtos Checador (www.checador.com.br) e o produto ValidaEmail (www.linkv.com.br/validaemail)


Ambos servem para validar listas de e-mail, então vamos fazer uma tabela com um comparativo entre eles:


ValidaEmail

Checador

Site

Facilidade de uso

Mais fácil

Mais funções

Roda em...

Via web, responsivo. Pode ser usado em computador e celular, de qualquer plataforma

Para Windows 10 e 11

Validações ilimitadas

não

sim

Teste MX, sintaxe, remoção de repetidos, teste empírico, domínios estrangeiros, spamtrap

sim

sim

Teste de qualidade, teste de grandes portais, identificação de provedores gratuitos, teste de domínio publicado

sim

não

Elimina emails inválidos consultando bases de dados online com milhões de e-mails

não

sim

Módulo para checar retornos de e-mail após campanhas e agregar os erros nas próximas validações

não

sim

Múltiplas formas de filtrar os dados validados e exportar para formatos populares

sim

sim

Gráficos com análises das validações efetuadas

sim

não

Pode desligar o computador enquanto está validando

sim

não

Agora vamos falar sobre os principais testes aplicados nos e-mails, para você entender como trabalha cada filtro indicado na tabela:


Teste MX

Um dos testes mais importantes, pois quando o domínio de um e-mail não tem um servidor de e-mails ativo, seguramente o e-mail é inválido.


Sintaxe

Teste básico, mas essencial. Verifica se a estrutura do e-mail é possível. por exemplo: um e-mail não pode ter duas arrobas (teste@@dominio.com)


Remoção de repetidos

Também básico, mas não pode faltar.


Teste empírico

Aplica várias regras e análises de padrões para identificar e-mails que tem baixo potencial de ser de uma pessoa real. Foca em identificar e-mails gerados ou usados por sistemas, exemplo:


Domínios estrangeiros

Se seu público-alvo é no Brasil, então este filtro ajuda muito, pois vai remover e-mails que são de outros países, deixando apenas brasileiros ou extensões onde esta verificação não pode ser feita (extensões internacionais .com, .net)

Spamtrap

Armadilhas são usadas por alguns sites e serviços para identificar fontes de origem de spam. Quando a empresa publica um e-mail como por exemplo spammer@dominio.com e alguém coleta esse e-mail e manda uma mensagem, a empresa vai saber que foi um processo automatizado de envio e isso gera degradação da reputação e bloqueio do domínio de origem da mensagem.


Teste de qualidade

Identifica situações onde o e-mail possivelmente é gerado, de sistema ou inadequado para ações de comunicação. Exemplos: dominio@dominio.com.br, vendas@dominio.com, suporte@dominio.com


Teste de grandes portais

Você vai querer perder tempo enviando mensagem com propaganda para bilgates@microsoft.com, zuzu@facebook.com, diretoria@apple.com?


Identificação de provedores gratuitos

Este filtro é opcional e vai servir para necessidades específicas. Com ele você pode classificar como inválidos os e-mails pertencentes aos principais provedores gratuitos (exceto Gmail). Com esta identificação você pode filtrar e exportar os dados tanto para obter somente os gratuitos como também somente os de domínio próprio


Teste de domínio publicado

Algumas pessoas acham que testar se o site está fora do ar, e-mails desse domínio não serão válidos. Isso é um erro, pois muitas empresas/pessoas adquirem um domínio para usar apenas um e-mail associado ao domínio, mas não publicam um site. De todo modo, para várias estratégias de comunicação e segmentação, pode ser interessante considerar como inválidos os e-mails onde não há um site publicado. Neste caso, basta ativar esse filtro.


Conclusão

A escolha da ferramenta para validação de e-mails, portanto, vai depender de suas preferências. Ambas vão ter desempenho de validação semelhante, aplicando vários filtros, análises e testes.


Os principais pontos onde você pode preferir uma ferramenta ao invés da outra:


  • Se você prefere usar o sistema via web ou então quer usar em um celular, tablet, computador com Mac OS ou linux, O ValidaEmail é a única opção, pois o Checador só roda no Windows 10 ou superior.

  • Se você quer poder desligar o computador durante a validação de suas listas, ou se quer mais facilidade de uso e gráficos com análise das listas validadas, o ValidaEmail também será a melhor opção

  • Se você precisa validar listas de e-mail sem limite de quantidade e quer funções extras como o módulo de retornos de e-mail, que agrega endereços de e-mail retornados em campanhas para futuras validações, o Checador será o produto mais completo neste caso.


10 visualizações0 comentário

Comentários


RECEBA NOVIDADES E CUPONS

Além de notificações sobre novas ferramentas e atualizações importantes, enviamos regularmente cupons com descontos, para você economizar na ferramenta que você quer. Não dê mole e se inscreva!

Obrigado por sua inscrição!

bottom of page